Novo single de Michael do Rosário “Para quê chorar” é um incentivo aos jovens

0
69

O jovem moçambicano, Michael do Rosário, lançou recentemente um
single intitulado “Para quê chorar”. Ainda que nos convide à dança ou,
no sentido mais amplo, à celebração, as músicas do artista vem sempre
carregadas de uma mensagem.
“Para quê chorar”, é uma faixa que pretende aconselhar as pessoas,
sobretudo os jovens, a não lamentar pelos problemas e dificuldades, mas
sim a acreditar que tudo é possível e a esperança deve sempre se manter,
e, acima de tudo, acreditar que podemos vencer com esforço, humildade e
muito sacrifício.

Para além da reflexão, Michael do Rosário ganha outro ímpeto no
universo musical com esta faixa principalmente no que concerne à
composição. O crescimento do artista que caminha para o terceiro álbum
de originais é visível também tendo em conta as figuras que tornaram
este single uma realidade.

É um elenco de luxo que se uniu para forjar o mais novo sucesso do
zambeziano. A produção geral esteve a cargo de Kalu Ferreira, de
Portugal; a mistura e a masterização foi de Cleu Cardoso, na K-Scale
Music, em Boston, Estados Unidos de América (EUA); a guitarra coube ao
moçambicano Djivas Madeule; o baixo veio dos Estados Unidos com Anderson
Fontes; a bateria é de Kau Paris, da banda Tabanka Djaz; os coros da
cantora moçambicana Alcinda Guerane; a composição coube a Guy Ramos e ao
Michael do Rosário; a captação de voz foi na  Friends Studios e contou
com a realização e co-produção de Grace Évora.


(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

Este cruzamento de profissionais consagrados de vários quadrantes
mostra o quão a carreira de do Rosário está em boas marés a nível
nacional e na diáspora, onde tem recebido largos elogios pela sua
qualidade e, por isso, é constantemente convidado para digressões em
países como Cabo-verde e Portugal.

Do Rosário, ainda que respeite o potencial dos produtores desta obra,
diz não conseguir prever até que níveis vai influenciar para o sucesso
da sua carreira. Mas, segundo a projecção que a música tem em duas
semanas de exposição nas rádios, acredita num bom retorno, aliás, já
está a ter bons sinais a nível dos PALOP e espera mais boas notícias com
o tempo.

A música está acompanhada de um videoclipe, que consegue ser fiel à
mensagem que esta apresenta, percorrendo por cenários reais da nossa
sociedade. O artista confirma: “está ser bem recebido pelo público, nas
televisões e redes sociais”.

A música “Para quê chorar” vai fazer parte do seu terceiro trabalho
discográfico. O artista diz que se trata de um projecto que vai fugir
muito a regra do segundo álbum, “Abalaga”, que carrega ritmos
tradicionais como o Nhambarro. Pela primeira vez, do Rosário vai
aventurar-se pela Marrabenta. Outro aspecto a destacar neste trabalho
que ainda não tem data de lançamento é a qualidade, pois todas as
músicas estão a ser misturadas e masterizadas na Europa e nos EUA, e
contam com a realização e co-produção do músico cabo-verdiano, Grave Évora, em parceria com a Friends Estúdios Moçambique.


Fonte: O País

Leave a Reply