Virgul – High feat. Sam The Kid

0
151
Virgul High feat. Sam The Kid
Virgul High feat. Sam The Kid

Virgul – High feat. Sam The Kid Mp3 Download stream, share and download/baixar this 2021 audio musica/mp3, rate 320kbps. Drop your comment and opinions after you listen and enjoy mp3 below.

DOWNLOAD MP3

 

Letra

Fim do dia é quando o pano cai
E as luzes se apagam
E só penso – como é tão bom – a ti voltar

Fim de cena, e a noite vem
E os aplausos se calam
Já só quero – ao teu lado – poder descansar

Passo a vida a correr – (mas) feliz em saber – que vivo o meu sonho
Entre a noite e o dia, e duas vidas, a dois amores eu me dou.
Dás-me paz, dás-me vida, dás-me energia, dás-me motivos para ser,
Quem te eleva para cima, e te deixa voar

I’m Feeling so high
Vivo a vida que sonhei, vive a vida
Feeling so high on life
Se a vida chamar eu vou, vive a vida

Mais um dia, mais um show que vem
Mais um adeus a quem me ama
Mais um palco, mais uma canção – pra entregar

São momentos que não vivo sem
E que me enchem a alma
Que vida boa, cheia de razões pra celebrar

Passo a vida a correr – (mas) feliz em saber – que vivo o meu sonho
Entre a noite e o dia, e duas vidas, a dois amores eu me dou.
Dás-me paz, dás-me vida, dás-me energia, dás-me motivos para ser,
Quem te eleva para cima, e te deixa voar

I’m Feeling so high
Vivo a vida que sonhei, vive a vida
Feeling so high on life
Se a vida chamar eu vou, vive a vida

Mais um dia na Portela,
Mais um embarque no portão,
Mais um dia no hotel
É mais um quarto e um cartão.
No palco, uma adrenalina divina que me ilumina,
Tou grato porque a rotina da cortina não termina.
Narrativa babosa tão emotiva,
Quando era só eu na voz e o Barbosa na comitiva,
Tenho a inspiração nativa que me diz que eu tou noutra classe,
Arquivista, não tinha uma revista que eu não comprasse.
O compasso tem valor, seja em quase que língua fôr,
O meu abraço fica perto de quem não falsifica amor.
Eu passo o equador, enquanto eu imagino linhas
E eu não sou actor, eu origino minhas.
Cada fase é uma letra e a minha caneta viu bués,
Tiro o pé do planeta e crio a quarenta mil pés
A pensar no evento, minha vertente humilde cresce,
Há um miúdo contente a escrever em frente ao rio Tejo.
Aponta puto, um dia vais a Maputo,
Rimar sobre um sétimo andar que deu um fruto.
Hangar onde eu flutuo no ar como bluetooth
Lugar onde o meu par ampara o meu luto.
Eu dinamizo o lar e o meu vício e pincelar
E eu preciso de me isolar no meu piso peninsular,
E eu nem sequer sonhava que o país aderisse tanto
Por isso eu valorizo um paraíso unissonante.
Trabalhas a duzentos, quando Páras é que sentes,
Foram vários calendários e horários indecentes
Tudo para dizer que produzi e forneci imenso
Entre graves e agudos é um frenesim intenso
Por isso agradeço, por isso eu não pauso,
É mais um adeus, é mais um aplauso,
É mais uma crowd, sem
Nunca saber uma escala ou um acorde,
Chego à próxima escala e acordo.

I’m Feeling so high
Vivo a vida que sonhei, vive a vida
Feeling so high on life
Se a vida chamar eu vou, vive a vida

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here